Início » Análise De Coloração Pessoal: Descubra Como Usar A Cartela De Cores A Seu Favor!

Análise De Coloração Pessoal: Descubra Como Usar A Cartela De Cores A Seu Favor!

Olá meninas, tudo bem? Recentemente eu descobri as maravilhas que a coloração pessoal pode fazer pelo nosso look e decidi contar para vocês sobre como identificar a sua e usá-la a seu favor.

Você já vestiu uma roupa e sentiu que tinha algo errado mas não conseguia identificar o quê? coloração pessoal

Esse é aquele momento em que pensamos: poxa!

Mas o meu monocromático vermelho está exatamente igual ao da inspiração do Instagram, por qual motivo não ficou bom?

Isso acontece devido a diversos fatores, como a modelagem, o tecido, o tipo de corpo de cada pessoa, mas também por causa das diferentes tonalidades de pele.

E são essas diferenças que vamos compreender e aprender a usar a nosso favor.

Existem muitos conceitos por trás dos testes e da teoria da cartela de cores ideal para cada pessoa, mas independente de você acreditar ou não, a verdade é que a coloração pessoal realmente funciona e faz diferença na produção final.

Quer descobrir como funciona o teste? Leia esse artigo até o fim!

Coloração Pessoal: o que é

coloração pessoal

A coloração pessoal é a utilização da cartela de cores ideal para cada tipo de pele.

A primeira estilista a fazer uso da técnica foi Suzanne Caygill que dividiu as cores em quatro grupos e os relacionou as estações do ano.

Essa escolha foi feita a partir da percepção de que as estações têm diferenças de tonalidade, profundidade e temperatura quando o assunto são as cores principais.

Pensando nisso, Suzzane percebeu que cada tipo de pele a partir de determinadas características ficava bem com uma cartela de cores diferente, surgindo assim o conceito como conhecemos hoje.

Como descobrir coloração pessoal: vá além dos conceitos de pele quente ou fria

A maneira mais segura de descobrir a sua coloração pessoal é procurando o auxílio de um profissional especializado que realizará testes até entender quais tons ficam melhores com sua derme.

Nesse momento será possível descobrir se sua pele é quente ou fria, brilhante ou opaca, ou ainda, concepções de valores como se você tem baixo, médio ou alto contraste, por exemplo.

No entanto, se não deseja procurar um profissional, algumas técnicas mais simplificadas podem te dar uma ideia geral de quais as cores ficam melhor com o seu tom e identificar a princípio, se sua pele é quente ou fria.

Teste de coloração pessoal: como descobrir as cores que te favorecem

Um dos primeiros testes que você mesma pode fazer é aproximar peças de diversas cores, do rosto (em luz natural) e procurar identificar qual delas mais te favorece.

Outro teste é observar as veias do seu braço, se forem esverdeadas sua tonalidade é quente, se forem azuladas é fria e se ocorrer um misto de ambas, seu tom de pele é misto (nesses casos serão necessárias mais análises para identificar a melhor cartela para você).

Por fim faça o teste da praia. Teste da praia Camila? Isso mesmo!

Observe se ao se expor ao sol você fica bronzeada (pele quente) ou rosada (pele fria).

Cartela de cores de acordo com as estações: descubra qual delas combina melhor com sua coloração pessoal

Cada pessoa possui uma coloração pessoal relacionada a uma das estações do ano.

Talvez você possa usar mais de uma cartela, mas uma certamente vai ficar muito melhor que a outra.

Agora que já sabe como identificar o tom da sua pele, entenda melhor o significado das estações e sua relação com as cores.

Coloração pessoal para a primavera

Se observarmos as cores mais frequentes da natureza na primavera, podemos perceber a predominância de tons com fundo amarelados e muita suavidade.

Essa é portanto, uma estação de nuances quentes e suaves, recomendada para pessoas que tem a tonalidade de pele quente e opaca.

Coloração pessoal para o verão

Essa é uma estação de tons frios e suaves. Mas Camila, no verão não faz calor?

Sim, mas se observar as principais cores, vai perceber a predominância do azul que é uma cor fria.

Então a cartela dessa estação é recomendada para quem tem a pele fria e opaca.

Coloração pessoal para o outono

O outono é uma estação que pode confundir um pouco, assim como o verão, pois apesar de ser fria, tem tonalidades quentes.

Basta observar a quantidade de tons com fundo amarelado na natureza nessa época do ano e fica mais fácil de entender.

Sendo portanto, uma estação quente e saturada, essa cartela é recomendada para quem tem a pele com tonalidade quente e brilhante

Coloração pessoal para o inverno

Já o inverno é uma estação fria e saturada pela predominância de tons com fundo azul. É recomendado para quem tem a pele com tonalidade fria e brilhante.

Qual a importância de conhecer a sua coloração pessoal

coloração pessoal

Conhecer a sua coloração pessoal permite que você faça compras mais acertadas, evitando gastar com peças que não te favorecem e ainda use produções que te deixam mais bonita e radiante.

Entre os principais efeitos que eu percebo quando uso a cartela de cores a meu favor são:

  • Pele mais iluminada e suave, às vezes parece que usei maquiagem.
  • Disfarçada nas olheiras e defeitinhos do rosto.
  • Sinto que fico com carinha de saúde.
  • Sou mais elogiada quando escolho as cores certas.

Já quando insisto em usar próximo ao rosto, tons que não estão de acordo com a minha cartela, sinto que:

  • Os defeitinhos se sobressaem.
  • Dependendo da cor, me sinto apagadinha e com fico com aquela carinha de doente.
  • Se for uma nuance mais forte do que a minha coloração permite, tenho a sensação que o look fica pesado e over e mesmo tentando simplificar a produção, parece que a roupa chega primeiro.

Se no entanto você precisa usar outras cores ou não gosta dos tons que sua cartela oferece, o ideal é apostar em suas nuances favoritas nos acessórios ou ainda em peças como calças, saias e shorts para garantir equilíbrio para o visual.

Se não tiver escolha (quem usa uniforme sabe do que estou falando) e for necessário usar cores de outras cartelas próximo ao rosto, eu recomendo que recorra ao truque de uma terceira peça, um lenço ou ainda um maxi colar em uma tonalidade da sua coloração pessoal.

Bem meninas, essas foram as minhas dicas sobre como descobrir a sua coloração pessoal e como fazer uso dela para criar produções mais harmônicas e equilibradas.

E você, já tinha ouvido falar sobre isso? Me conte qual é sua cartela de cores nos comentários. 

Vou adorar saber!

Beijos,

Camila Oto

Seguir:
Camila Oto
Camila Oto

Influenciadora Digital, Formada em Administração e Consultora de Imagem & Estilo pela FAAP-SP, com mais de 8 anos de experiência, e com o propósito de dividir com o maior número de pessoas possível seus conhecimentos em Moda, Estética, Maquiagem, Saúde e Bem estar. Clique Aqui para saber mais sobre o autor.

Find me on: Web | Twitter | Instagram | Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CCO Empreendimentos Digitais – CNPJ: 27.945.448/0001­-34 – Endereço: Rua Barão de Teffé, 1000 – Parque do Colégio – Jundiaí – SP – CEP: 13208-820 – Tel: (11) 4522-2710